Encontro regional de artesanato reúne 150 artesãos em Ilópolis

///Encontro regional de artesanato reúne 150 artesãos em Ilópolis

Encontro regional de artesanato reúne 150 artesãos em Ilópolis



Na ocasião, cerca de 150 artesãos dos municípios de Encantado, Coqueiro Baixo, Nova Bréscia, Relvado, Doutor Ricardo, Anta Gorda, Ilópolis, Putinga, Arvorezinha e Itapuca participaram de oficinas de artesanato, ouviram relatos sobre as experiências dos associados e prestigiaram a palestra ?Qualidade do artesanato?, ministrada pela assistente técnica estadual de Artesanato da Emater/RS-Ascar, Ivanir Argenta dos Santos.

Em sua fala inicial, Ivanir salientou a importância de buscar a identidade local, na hora de pensar o artesanato da região. ?No momento em que a arte dialoga com a cultura regional, ela se torna diferenciada?, ressaltou. Para a assistente técnica, o artesanato pode ser lúdico, terapêutico, artístico, pedagógico ou mesmo religioso. ?Se, nesse contexto, o público souber identificá-lo como produto de determinada localidade, ele se valoriza?, afirmou.

Na palestra, falou da história do artesanato, dos materiais utilizados, das classificações da arte e das legislações relacionadas à área. ?Sabemos que nosso trabalho é cansativo, por vezes doloroso, mas com doação e profissionalização, são incontáveis as recompensas?, disse. Ao final, respondeu algumas perguntas do público presente sobre o assunto, falando também dos mandamentos do artesão que, entre outros, deve elaborar produtos de qualidade, respeitando a comunidade e o meio ambiente, visando a melhoria contínua de processos.

O evento prosseguiu durante o dia com: relato da caminhada da Artei, visitação do ponto de vendas e oficinas temáticas. Ao final, todos os participantes receberam certificado. A secretária de turismo, desporto e lazer de Ilópolis, Luzia Tomasini Carlesso, elogiou a iniciativa. ?Essa é a única profissão que pode transformar sonhos em realidade e isso passa pelas mãos de vocês?, disse, dirigindo-se aos presentes. ?A qualificação da área também simboliza a melhoria do turismo na região?, garantiu.

Para a extensionista de bem estar social da Emater/RS-Ascar de Ilópolis, Aline Salva, o artesanato tem papel fundamental no resgate da cultura e na troca de experiências. Para ela, o evento possibilitou a descoberta de potencialidades, a busca por alternativas, e a aquisição de conhecimentos para aqueles que participaram. Ainda sobre a atividade, salientou que esta exerce um papel social muito forte, pois visa sempre ao estímulo da saúde mental, social e cultural das pessoas que o desenvolvem.

O artesanato como parte da história

Em paralelo as atividades do Encontro, os artesãos dos diversos municípios envolvidos, organizaram uma feira para o público presente. Peças trabalhadas em materiais como vime, palha de trigo, palha de milho, fibra de bananeira e bambu estiveram disponíveis para os participantes. Também os interessados puderam adquirir peças em biscuit, crochê, tricô, patchwork (trabalho com retalhos), macramê, pintura em tecido, fuxico, artesanato em porongo, entre outros.

Para a artesã de Arvorezinha, dona Marileni Dorigoni (60), o que vale é se sentir ocupada. ?O artesanato faz parte da história da minha família. Meus pais faziam ? minha mãe, inclusive, trabalhou até os 80 anos com crochê?, afirma. Com quatro horas diárias de atividade, dona Marileni garante que consegue ?tirar? até R$ 300,00 por mês, só vendendo para amigas. ?Muitas vezes nem vou atrás das vendas. São os interessados que vem até mim?, brinca. A professora aposentada é artesã há 10 anos. ?Antes fazia tricô e crochê. Hoje me dedico ao patchwork?, orgulha-se.

Fonte: Ass. de Imprensa Emater

Foto: Tiago Bald

By |2012-08-24T00:00:00-03:00agosto 24th, 2012|Sem categoria|Comentários desativados em Encontro regional de artesanato reúne 150 artesãos em Ilópolis

About the Author: