Encantarte reconhece e premia participantes do projeto

///Encantarte reconhece e premia participantes do projeto

Encantarte reconhece e premia participantes do projeto

Autoridades, comissão organizadora, jurados, indicados e escolhidos subiram ao palco para a foto oficial (Foto: Vanessa Paliosa)

Autoridades, comissão organizadora, jurados, indicados e escolhidos subiram ao palco para a foto oficial (Foto: Vanessa Paliosa)

O auditório Itália, do Centro Administrativo de Encantado, sediou na noite desta quarta-feira (20), o reconhecimento e entrega de certificados e troféus aos participantes destaques do projeto cultural Mostra de Teatro Amador de Encantado – Encantarte.

Rafael Fontana, da comissão organizadora do projeto, deu início ao evento agradecendo as autoridades, comunidades, imprensa, jurados e público presente e relatando as expectativas alcançadas. “Podemos afirmar que o Encantarte cumpriu com seu objetivo de promover integração das comunidades por meio da construção de um espetáculo teatral, unindo moradores e despertando o gosto pela arte teatral entre todos os participantes”, enalteceu.

O artista e advogado Álex Herold e a rainha de Encantado, Daiane Bergamaschi, falaram em nome dos jurados. “Parabéns a cada um que se envolveu neste projeto. Sem dúvida o Encantarte encantou através da arte. Sinto-me lisonjeada em fazer parte desta belíssima iniciativa”, frisou ela.

Após, houve a entrega da premiação que contou com apresentação musical de Tiago Bertotti. Além disso, os indicados, escolhidos e jurados receberam um mimo da Divine Chocolates. Já o encerramento foi marcado pela apresentação das baianas e da Escola de Samba Moleque Atrevido, do bairro Navegantes, que colocou o público para dançar ao som da bateria.

Indicados e escolhidos

Melhor Atriz Mirin

Vitoria Santin – Espetáculo Jantar Italiano (Escolhida)

Suelen Fernandes – Espetáculo O nascer da nossa história

Ana Laura Deves – Espetáculo A casa da nona

 

Melhor Ator Mirim

Kaua Lorenzon – Espetáculo Jantar Italiano

Guilherme Bigolin – Espetáculo A casa da nona (Escolhida)

 

Melhor Atriz Juvenil

Andrieli da Silva – Espetáculo O nascer da nossa história (Escolhida)

Stela Agostini – Espetáculo A casa da nona

Rafaela De Bortoli – Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural

 

Melhor Ator Juvenil

Pedro Henrique Lisboa – Espetáculo Jantar Italiano

José Ribeiro – Espetáculo O nascer da nossa história

Júlio Cesar Pedarsini – Espetáculo A casa da nona

Vinicius A. Gianezini – Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural (Escolhido)

 

Melhor Atriz

Olga Alessio – Espetáculo Jantar Italiano

Marisa Mariotti – Espetáculo O nascer da nossa história

Ivete Magagnin – Espetáculo A casa da nona (Escolhida)

Luciana Pretto – Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural

 

Melhor Ator

Wlademir Pedro Capelari – Espetáculo Jantar Italiano

Gilberto Dutra – Espetáculo O nascer da nossa história

Victorio Alba – Espetáculo A casa da nona

Moisés Daldão – Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural (Escolhido)

 

Atriz Revelação

Olga Alessio – Espetáculo Jantar Italiano

Marisa Mariotti – Espetáculo O nascer da nossa história

Patrícia Daros – Espetáculo A casa da nona

Nelsi Orsolin – Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural (Escolhida)

 

Comissão organizadora e jurados parabenizaram e agradeceram a participação dos envolvidos (Foto: Douglas Pessi)

Comissão organizadora e jurados parabenizaram e agradeceram a participação dos envolvidos (Foto: Douglas Pessi)

Ator Revelação

Wlademir P. Capelari – Espetáculo Jantar Italiano

Gilmar da Paixão – Espetáculo O nascer da nossa história (Escolhido)

Victorio Alba – Espetáculo A casa da nona

Moisés Daldão – Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural

 

Melhor Cenário: Espetáculo O nascer da nossa história – Responsável: Samira Dadalt

Melhor Caracterização: Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural – Responsável: Rafael Fachini

Melhor Técnica e Iluminação: Espetáculo Técnicas de Empreendedorismo Rural – Responsáveis: Ezequiel Dutra | Rafael Fachini, respectivamente

Melhor Roteiro: Espetáculo O nascer da nossa história – Responsável: Mara Scatola

Projeto

Promover a integração dos moradores através da arte. Este foi o objetivo do Mostra de Teatro Amador de Encantado – Encantarte, do qual as comunidades Nossa Senhora da Saúde (Porto XV), Nossa Senhora dos Navegantes (Navegantes), São Pedro (Centro) e São Carlos (Jacarezinho) participaram.

A proposta da iniciativa era que cada comunidade construíssem uma peça teatral inédita, a fim de desenvolver as habilidades de profissionais de cada localidade, como por exemplo costureiras, marceneiros, artistas plásticos, pintores, músicos entre outros. Além disso, despertando talentos neste processo de criação, que reuniu desde a elaboração do roteiro à finalização de figurinos e cenário.

Todos os grupos contaram com o auxílio do artista Daniel Burghardt. As apresentações eram gratuitas e abertas ao público.

Apresentações 

As baianas e a Escola de Samba Moleque Atrevido, do bairro Navegantes, coloram os presentes para dançar (Fotos: Douglas Pessi)

As baianas e a Escola de Samba Moleque Atrevido, do bairro Navegantes, coloram os presentes para dançar (Fotos: Douglas Pessi)

No dia 20 de maio, a peça Seis na Berlinda iniciou as apresentações do projeto. Conforme Daniel Burghardt, que coordenou o espetáculo e também auxiliou as demais comunidades, é um orgulho ver um sonho concretizado. “Há muitos anos sempre tive o sonho de desenvolver um projeto como o Encantarte e graças aos patrocinadores e apoiadores desta ideia ele saiu do papel. Inúmeras sugestões surgiram, até que através do teatro pudemos apresentar talentos locais das comunidades sem competitividade. É um orgulho ver este sonho concretizado, ver as pessoas desde crianças a idosos no palco, é fantástico. Estou muito satisfeito com os resultados, todas as comunidades estão de parabéns. Espero que haja uma continuidade do projeto para que outros artistas e bairros possam ter a oportunidade de participar”, almeja.

Depois foi a vez da comunidade Porto XV com o espetáculo “Jantar Italiano – Manhe com Noantri”. Para Angela Dadalt, o grupo se sente grato pela oportunidade de participar do Encantarte. “Tivemos uma ótima integração e união entre os participantes, pudemos fazer novas amizades e superar nossas próprias expectativas. Estamos felizes com o resultado, não somente por nossa apresentação, mas com todas as comunidades que se esforçaram e conquistaram seus objetivos”, ressalta.

O terceiro grupo a subir ao palco foi o bairro Navegantes, com “O nascer de nossa história”. Mara Scatola, coordenadora do grupo e, também diretora da Associação Pro-Menor de Encantado (AME), aproveitou para agradecer. “Gratidão à comunidade encantadense que se fez presente nas apresentações. Aos atores pelo carinho e dedicação, à comunidade Navegantes e a equipe da AME que abraçou a ideia acreditando que é possível fazer. Juntos, todos os moradores engajados puderam mostrar que o bairro tem diversidade cultural e religiosa, que a sementinha para mais iniciativas como o Encantarte foi plantada”, destacou.

Segundo Tais Agostini, que supervisionou o espetáculo a “Casa da Nona” do bairro Centro, que ocorreu no dia 10 de junho, o Encantarte foi muito além que uma mostra de teatro amador. “Foi sair da rotina, da zona de conforto, suprir as dificuldades e desafios e encarar outra realidade, pois muitos nunca tinham subido no palco. Em três meses houve muito empenhou e dedicação por parte de cada um em busca do mesmo objetivo, alcançado com êxito por meio da união e interação. Sem dúvida, gratidão define o projeto”, relata.

E pra fechar com chave de ouro os moradores do bairro Jacarezinho apresentaram “Técnicas de Empreendedorismo Rural”. Conforme Luciana Preto, integrante do grupo, participar do projeto foi gratificante. “Foi além do que imaginávamos. Visitar outras comunidades, ser bem recebidos, ver pessoas envolvidas e dando o seu melhor. Ver pessoas sérias, sisudas se transformarem em outra. O Encantarte proporcionou a união do nosso bairro, a integração entre as comunidades e o acolhimento e isso não tem preço que pague. Por muitas vezes durante os ensaios deu vontade de desistir, mas subir no palco e ver o público rindo e se divertindo superou todas as dificuldades. Atingimos nosso objetivo: levar alegria por meio da arte”, enaltece.

O projeto cultural Mostra de Teatro Amador de Encantado – Encantarte, contou com o patrocínio de Divine Chocolates e Sorvetes Sabory e teve o financiamento do Pró-cultura RS LIC, da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Estado do Rio Grande do Sul.

Texto: Assessoria de Imprensa Encantarte

By |2018-06-22T08:22:09-03:00junho 22nd, 2018|Sem categoria|Comentários desativados em Encantarte reconhece e premia participantes do projeto

About the Author: